Início / Notícias / Direitos Humanos / Pastores na Venezuela pedem ajuda e comparam Maduro a Hitler

Pastores na Venezuela pedem ajuda e comparam Maduro a Hitler

Os pastores Moisés Betancourt, Jesús Pinto, Carlos Vielma e Elías Hernández divulgaram uma “Carta Aberta”, onde pedem para que os cristãos de todo o mundo orem pela Venezuela. O texto dos pastores ganhou repercussão em várias mídias em espanhol pelo tom pesado das críticas.

venezuela

“Nós, pastores cristãos pela graça de Deus em Caracas, Venezuela, pedimos aos conservos em todo o mundo que sejam nossa voz diante do Pai e diante deste mundo. O que está acontecendo nessa nação não tem precedentes históricos. Na era moderna, apenas Adolf Hitler, demonstrou tamanha crueldade”, inicia o documento.

Eles listam uma série de problemas que vêm enfrentando no país, a maioria deles amplamente divulgados pela imprensa.

“É muito doloroso observar com impotência a morte contínua e constante de seres humanos.   Parte nosso coração e tentamos fazer todo o possível para ajudar a todos! Essas mortes ocorrem principalmente por causa da escassez de alimentos. Estamos em um país onde inúmeras pessoas morrem de fome (principalmente crianças). É doloroso ver as pessoas procurando nas lixeiras algo para comer! Esse nunca foi o desejo de nosso Senhor!”, denunciam os pastores.

A carta fala também que os venezuelanos têm testemunhado um aumento “da perseguição, do desaparecimento e a execução de pessoas, entre outros pecados que estamos constantemente vendo… de todos que se atrevem a levantar a sua voz para reclamar do governo”.

Embora não exista uma perseguição declarada aos evangélicos na Venezuela, eles dizem que há pastores sendo ameaçados. Eles encerram pedindo que sua mensagem seja divulgada para que o mundo saiba o que ocorre no país e clamando pela intercessão dos cristãos de todo o mundo em favor da Venezuela.

Clique aqui e leia o documento na íntegra.

Fonte: Verdade Gospel

Sobre Administrador

Veja também

528184057e24ba503ec70323a66117f7

Cachorro “católico” vai a procissão, participa de missa e casamento

A rotina de um cachorro que vive no calçadão no Centro de São Lourenço (MG) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *