Início / Notícias / Brasil / Carnaval gospel leva mais de mil foliões às ruas de Vila Velha, ES

Carnaval gospel leva mais de mil foliões às ruas de Vila Velha, ES

Enquanto tradicionalmente boa parte das igrejas evangélicas promovem encontros e retiros durante o carnaval, o bloco da Igreja Missão Praia da Costa levou cerca de mil pessoas às ruas nesta segunda-feira (27), com bateria de escola de samba e trio elétrico, pelo nono ano seguido.

A folia gospel começou no final da tarde, e percorreu toda a orla da Praia de Itaparica, em Vila Velha, por cerca de duas horas.

O clima fresco de fim de tarde contribuiu para que pessoas de todas as idades se divertissem ao som de samba. No alto do trio, o pastor Simonton Araújo mesclava ensinamentos bíblicos, principalmente sobre o tema do ano, a família, e também puxava o samba, com enredo cristão.

A bateria, composta por cerca de 200 ritmistas, foi toda vestida com camisas escrito ‘Só Jesus’. Outra alegoria que chamou a atenção foi a comissão de frente, com dez jovens fantasiadas que atravessaram a avenida com uma divertida coreografia.

E, ao longo da passagem do bloco, um grupo de missionárias da igreja convidava as pessoas que estavam na praia para participar da festa. Nos prédios, moradores acenaram, em aprovação ao grupo.

Essa opção diferenciada de curtir o carnaval, em um clima familiar, sem bebida alcoólica e com músicas religiosas, atraiu também o interesse de fiéis de outras igrejas, como a supervisora de faturamento Ana Cristina Milka, de 50 anos. Acompanhada do marido, Mário Antônio, do sobrinho e da filha, ela decidiu conhecer o bloco este ano e aprovou a animação.

hldou2zdo020vbnhry3itm452011572

“Achei perfeita essa proposta de juntar a festa com o louvor. Jesus é alegria, e assim vamos alcançando muitas vidas com os ensinamentos dele”, avaliou.

Quem também estreou na folia foi a dona de casa Thamyris Boechat, de 25 anos. Integrante da Missão Praia da Costa, ela trouxe o marido e os três filhos pequenos para curtir o primeiro carnaval.
“Nossa ideia é mostrar que podemos celebrar a vida, comemorar o carnaval levando a palavra de Deus, não é só farra”, afirmou.

Segundo um dos organizadores, Matheus Otoni, de 22 anos, o bloco foi inspirado em um exemplo do Rio de Janeiro e ensaia as coreografias e a música desde a virada do ano.

“Viemos pregar a paz, o amor e a união na família, para que sigam todos juntos, mesmo sendo diferentes”, destacou.

Fonte G1

Sobre Administrador

Veja também

528184057e24ba503ec70323a66117f7

Cachorro “católico” vai a procissão, participa de missa e casamento

A rotina de um cachorro que vive no calçadão no Centro de São Lourenço (MG) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *